sexta-feira, 2 de julho de 2010

Onicomicose (micose da unha)

  • O que é?

    A onicomicose é uma infecção que atinge as unhas, causada por fungos. As fontes de infecção podem ser o solo, animais, outras pessoas ou alicates e tesouras contaminados. As unhas mais comumente afetadas são as dos pés, pois o ambiente úmido, escuro e aquecido, encontrado dentro dos sapatos e tênis, favorece o seu crescimento. Além disso, a queratina, substância que forma as unhas, é o "alimento" dos fungos.

    Manifestações clínicas

    Existem várias formas de manifestação das onicomicoses. Veja abaixo alguns dos tipos mais frequentes:

    Descolamento da borda livre: a unha descola do seu leito, geralmente iniciando pelos cantos e fica ôca. Pode haver acúmulo de material sob a unha. É a forma mais frequente.




Espessamento: as unhas aumentam de espessura, ficando endurecidas e grossas. Esta forma, pode se acompanhar de dor e levar ao aspecto de "unha em telha" ou "unha de gavião".
Leuconíquia: manchas brancas na superfície da unha.




Destruição e deformidades: a unha fica frágil, quebradiça e se quebra nas porções anteriores, ficando deformada.

Paroníquia ("unheiro"): o contorno ungueal fica inflamado, dolorido, inchado e avermelhado e, por consequência, altera a formação da unha, que cresce ondulada e com alterações da superfície.



COMO EVITAR

Hábitos higiênicos são importantes para se evitar as micoses. Previna-se seguindo as dicas abaixo:

*Não ande descalço em pisos constantemente úmidos (lava pés, vestiários, saunas).
*Observe a pele e o pêlo de seus animais de estimação (cães e gatos). Qualquer alteração como descamação ou falhas no pêlo procure o veterinário.
*Evite mexer com a terra sem usar luvas.
*Use somente o seu material de manicure.
*Evite usar calçados fechados o máximo possível. Opte pelos mais largos e ventilados.
*Evite meias de tecido sintético, prefira as de algodão.

Tratamento

Os medicamentos utilizados para o tratamento podem ser de uso local, sob a forma de cremes, soluções ou esmaltes. Casos mais avançados podem necessitar tratamento via oral, sob a forma de comprimidos. Os sinais de melhora demoram a aparecer, pois dependem do crescimento da unha, que é muito lento. As unhas dos pés podem levar cerca de 12 meses para se renovar totalmente e o tratamento deve ser mantido durante todo este tempo. A persistência é fundamental para o sucesso do tratamento.


O tipo de tratamento vai depender da extensão da micose e deve ser determinado por um médico dermatologista. Evite usar medicamentos indicados por outras pessoas, pois podem mascarar características importantes para o diagnóstico correto da sua micose, dificultando o tratamento.

Colaboração: Dr. Roberto Barbosa Lima - Dermatologista

sábado, 8 de maio de 2010

COMO ELIMINAR CHEIROS E ODORES

Mau cheiro no interior de veículos
- Corte duas maçãs ao meio. Coloque duas metades nos assentos do bancos dianteiros e duas no banco traseiro. Deixe o carro fechado por uma noite. Retire as maçãs no dia seguinte e jogue fora.

Mau cheiro das garrafas térmicas
- Limpe as garrafas com borra de café e água quente. Ou deixe de molho por um dia com uma colher de sopa de água sanitária completa com água. Após, enxague bem. Para conservar inodoro mantenha a garrafa cheia d'água.

Mau cheiro da geladeira
- Deixe uma vasilha pequena com água e bicarbonato dentro da geladeira.

Mau cheiro das mãos
- Retire o cheiro de alho, cebola e água sanitária das mãos esfregando uma colher de aço inoxidável em baixo de água corrente.

Odor das axilas
- Dissolva duas colheres de bicarbonato de sódio em pó em 1/2 copo de água. Aplicar várias vezes ao dia nas regiões afetadas. Caso persista, procure seu médico.

Fonte: www.drashirleydecampos.com.br

DICAS PARA TIRAR MANCHAS




Mancha de água em móveis
- Passe com uma flanela embebida em óleo canforado sobre os móveis.

Mancha de banha, manteiga, graxa ou cera
- Aplique benzina ou éter. Depois polvilhe talco e lave com água quente e sabão.

Mancha de café
- Lave com água morna e glicerina.

Mancha de canetas
- Esfregue com aguarrás e deixe por alguns minutos. Lave normalmente e deixe secar.

Mancha de ferro de passar em tecidos
- Use uma solução de vinagre e sal aquecida. As manchas escuras sairão.

Mancha de ferrugem
- Esfregue suco de limão e água morna.

Mancha de graxa
- Sai com margarina vegetal. Ponha um pouco sobre a sujeira e deixe por alguns minutos. Depois lave normalmente com água e sabão.

Mancha de cigarro nos dedos
- Sai facilmente esfregando uma mistura de suco de limão com água oxigenada.

Mancha de iodo
- Ferva o tecido em leite de vaca por 20 minutos. Esfrie e lave com sabão.

Mancha em livros
- Coloque as folhas manchadas, durante duas horas, num banho de alúmen muito fraco. Seque-as entre mata-borrões.

Mancha de mel
- Adicione sobre a mancha de mel uma solução de bicarbonato de sódio e água quente. Depois lave e enxague com água fria.

Mancha de tinta de caneta esferográfica em roupas
- Use spray de cabelo para tirar as manchas de tinta esferográfica de roupas.

Mancha em camurça.
- Esfregue-as cuidadosamente em movimentos circulares com pano limpo embebido em aveia moída. Retire o pó com uma escovinha de arame para camurça.

Mancha de maquiagem
- Aplique álcool 90º.

Mancha de mofo
- Limpe com uma solução de água sanitária diluída em água potável, na proporção de 1:1. Aguardar 2 horas e enxaguar.

Manchas e mofo
- Em tecido branco ou de cor resistente, mergulhar e deixar um pouco na água com cândida diluída. Em tecido de cor umedecer com suco de limão, em tecido sintético ou seda: molhar num banho de leite.

Manchas de ferro de passar
- Passar água oxigenada sobre a parte afetada e em seguida lave apenas com água.

Manchas de iodo nas roupas
- Aplicar álcool ou um pano embebido em leite e lavar com água fria e sabão.

Mancha de limão na pele pelo efeito do Sol
- Não há o que fazer. Desaparece de forma espontânea e gradativa. Em caso de gravidade, consulte o dermatologista.

Manchas de óleo das roupas
- Esfregar uma pasta de fubá com suco de limão.

Manchas de óleo dos papéis
- Use um mata-borrão e passe o ferro bem quente.

Mancha de ovo
- Passe uma pasta de sal -diluída em água- sobre a mancha. Lave com água fria (não utilize água quente pois piora).

Mancha em porcelanas
- Raspe um sabão em pedra e adicione ½ xícara de branqueador. Misture bem até dissolver o sabão; passe com força com uma escova. Manchas mais suaves podem ser eliminadas com suco de limão apenas esfregando ele cortado. Manchas mais pesadas e especialmente ferrugem, saem com uma pasta de bórax com suco de limão.

Mancha de roupa na lavagem
- Mergulhe a roupa manchada pela lavagem rapidamente, em um pouco de leite e deixe por alguns minutos. A mancha some imediatamente.

Mancha de suor dos tecidos
- Deixar as roupas de molho numa solução de água bem salgada. Lysoform também faz efeito.

Mancha de tinta em tecido
- Aplique terebentina até a mancha desaparecer quase completamente. Depois, enquanto a mancha ainda estiver molhada, coloque por cima detergente líquido e em água quente durante uma noite inteira. O tratamento poderá ser repetido.

Mancha de tinta em couro
- Tire com limão, mas se ficar mancha mais clara tente atenuá-la com graxa do calçado.

Mancha de tinta em cristal
- Elimina-se com um pano embebido em vinagre quente. Também pode lavá-la com uma colher de sopa de amoníaco para urn litro de água.

Mancha de tinta na madeira encerada
- Cubra com limão ou água oxigenada. Embeba neste líquido um algodão do tamanho da mancha e deixe-o sobre ela até desaparecer.

Manchas de tinta no mármore
- Se as manchas forem recentes cubra-as com farinha. Depois retire-a e aplique água oxigenada a 20 volumes, adicionada com umas gotas de amoníaco. Esfregue energicamente com pó fino de pedra-pomes.

Manchas de tinta no nylon
- O leite faz desaparecer instantaneamente as manchas de tinta no nylon.

Mancha de tinta nos tapetes
- Coloque sob o tapete um mata-borrão grosso e esfregue a mancha com leite muito quente. Se não desaparecer passe-o com suco de limão. Espere que seque e retire o mata-borrão. Também pode utilizar essência de terebentina.

Mancha de tinta de pintar
- No algodão, se a mancha for recente use tetracloreto de carbono (cuidado, veneno). Se for antiga embeba-a numa matéria gordurosa e depois num solvente ou diluente.

Mancha de vinho nos tapetes
- Se o tapete foi manchado com vinho tinto aplique vinho branco ou loção de barbear. A espuma é um bom removedor de manchas.


Fonte: www.drashirleydecampos.com.br